Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

Receita de Muffin de chocolate

Boas!

Eu normalmente não costumo pensar em pôr aqui algumas receitas, mas visto que HOJE É O DIA MUNDIAL DO CHOCOLATE, e eu festejei-o mesmo à maneira com este maravilhoso e delicioso muffin (também porque foi hoje o aniversário da minha mãe, parabéns mami). Vou deliciar-vos assim com a minha receita preferida de bolos de chocolate, facílima de fazer, e rápida (até porque eu sou uma mulher que odeia perder demasiado tempo na cozinha). Se te identificas comigo, e gostas de chocolate, então aponta aí:

 

 

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 4 colheres sopa de óleo
  • 4 colheres sopa de leite
  • 4 colheres sopa de açúcar
  • 3 colheres sopa de cacau em pó (ACONSELHO PANTAGRUEL, se querem algo mesmo bom)
  • 4 colheres sopa de farinha

Numa tigela (digo isto porque é mais fácil do que na própria caneca) junta-se os ingredientes todos, e mexe-se bem, de forma a incorporar todos os ingredientes. Depois de ficar uma massa bem consistente, distribui-se por uma caneca. Leve a caneca ao microondas por cerca de 3 minutos (se quiser menos molho, deixe mais). Retire-a de lá, e coma mesmo na caneca, ou não.

 

Fácil, right?

 

Eu ADORO, é facílima, rápida e tãoooo saborosa. Só mesmo provando. E agora com licença que me vou deliciar um bocadinho porque ainda sobrou um bocado do lanche, até depois 

DESAFIO: Café com sabor de livros

[Nota: Eu também não sou nada apreciadora de café Marta, mas sou de livros por isso calha bem! Obrigada de novo ]

 

Negro: Nome de uma série que é difícil de entrar, mas tem fãs apaixonados.

Eu entendo +- o fascínio, mas a mim não me sabe lá muito bem, não.

 

Chocolate quente: Qual é o seu livro para crianças favorito?

Eish sei lá...essa pergunta é tão maquiavélica, porque eu lia TANTO em criança.. Talvez "As Crónicas de Spiderwick", porque foi o livro dos livros.

 

Dose dupla de expresso. Diz um livro que te manteve "na ponta da cadeira" do inicio ao fim.

Mesmo em espanhol o livro lêsse com uma enorme facilidade, e conta histórias tão riquíssimas e com tanta moral, que qualquer um deveria ler. Adorei, adorei! :)

 

Starbucks. Diz um livro que você vê em toda parte...

Embora não deveria hehe 

 

Ops! Pedi acidentalmente um descafeinado. Diz um livro que estavas à espera de mais. 

Mas também é normal, quando se trata de obras mediáticas, cria-se uma grande expetativa, que nem sempre acaba por corresponder à realidade...

 

A mistura perfeita: Diz um livro que foi ao mesmo tempo amargo e doce, mas, em última análise, satisfatória.

 ou 

Gostei imenso de ambos, mas havia partes um tanto amargas, que podiam ter sido melhor aproveitadas...

 

Café com gengibre e natas: um livro que fica mais popular durante o inverno ou a época festiva do ano.

 Seja durante o inverno por causa das gripes e afins, seja durante as épocas em que se devoram imensos doces e as pessoas sentem-se imediatamente culpadas, o + famoso livro do Calcitrin é do melhor que há 

 

E passo o testemunho paraaaaa....

 

...e para quem veja este tag, e queira responder. Estão à vontade!

 

9 perguntas para bloggers do Sapo

Visto que já sou uma croma generalizada, e blogger de renome em particular, fui questionada para fazer uma pequena entrevistinha aqui pelo cantinho da Marta. Depois da aprovação do meu agente, apraltei-me toda no meu sofá e dei o meu melhor sorriso: 

1 - O que te levou a criar um blog?

Nada mais, nada menos, do que a minha querida doce amiga Pipa (ela depois paga-me bem). Ela criou um primeiro, e eu fui logo a seguir! (Embora já tivesse tido blogs muito antes, porque sempre adorei escrever).

2 - Porquê a escolha do Sapo?

 Por e simplesmente porque a Pipa também criou por aqui. Perguntem a ela xD

3 - Nota alguma evolução na sua escrita desde que começou até hoje?

 Noto. Antes escrevia textos mais longos, que agora considero mais maçudos, agora tento abreviar mais, até porque ain't nobody got time for that. 

4 - Sobre que temas mais gosta de escrever?

 Tudo mesmo, não me tou a lembrar de nenhum tema que tenha de eleição: desde que sejam atuais e interessantes. Talvez um dos temas que menos me interesse falar/opinar seja a política, de resto vai tudo!

5 - Quais eram as suas expectativas quando criou o blog, e de que forma têm vindo a ser concretizadas?

 Sinceramente, quando criei o blog pensei que nunca ninguém leria nada do que escreveria (ainda hoje não tenho 100% certezas ), e que não arranjaria temas (o que tenho vindo a safar bastante bem).

6 - Houve algum epísódio caricato que lhe tenha acontecido enquanto blogger?

Não sei se posso considerar "caricato", e sei que para algumas pessoas é considerado bastante normal, mas aparecer no blog de destaque da Sapo, para mim foi supeeeeer brutal!!!

7 - Nota alguma diferença entre os blogs mais antigos, e os criados na actualidade?

 Nem por isso, porque não há um protótipo-tipo claro dos blogs atuais, são todos diferentes entre si e únicos, e aí mesmo é que tá a piada, a meu ver!

8 - Podem-se fazer amizades através dos blogs?

 Claro que sim! Já me aconteceu imensas vezes :)

9 - Quais os seus desejos bloguísticos para o futuro?

Que me continuem a seguir e a ler, para poder evoluir com os comentários e críticas, e que já agora fosse mais vezes promovida nos destaques. Já me sentiria super realizada! 

 

Um Muito Obrigada à minha querida Judite de Sousa!  Adoro T-O-D-O-S os desafios/tags que sou nomeada, e é sempre com imenso prazer que os faço e respondo! Gostei muito desta entrevista, e obrigada de novo por te lembrares de mim!

 

Em 'Relação' a isto...

     Boas! Ontem 'tive a ver um vídeo sobre 2 raparigas que não conseguem "ficar" solteiras, e li também um post que ganhou destaque pelo Blogs Sapo, acerca de casais homossexuais. E isso fez-me pensar imenso acerca das nossas formas de encarar as relações amorosas: sejam elas relativamente ao género dos sujeitos envolvidos, sejam relativamente ao tipo de relação envolvida, à forma como cada pessoa as vive, etc..

      O vídeo em questão, por exemplo, fala de duas jovens que admitem não conseguir estar mais de 2/3 meses sem estar numa relação com alguém. Ambas tinham prometido permanecer 1 ano solteiras, para consolidar melhor o final de relações bastante duradouras, e não o conseguiram evitar (dizem elas não por necessitarem claramente de um homem na vida delas, mas porque 'simplesmente aconteceu'). Esse vídeo recebeu IMENSOS comentários negativos, começando por lhes considerarem umas 'oferecidas', 'insaciáveis' (e outras coisas bem piores...).

      Em relação ao post que falei à pouco, cujo tema já tem mais barbas-que-até-mais-não, relata a discriminação face aos casais LGBT, a sua luta pela igualdade, as dificuldades destes casais,etc..

 

       Posto isto, o que vos queria dizer era o seguinte, e esta é a minha opinião sincera:

  • Quer seja um casal heterossexual, homossexual, transgênero, pansessual, intergênero, etc..
  • Quer sejam eles da mesma raça, religião, cultura, nacionalidade, língua, sociedade... ou não...
  • Quer estejam estes numa relação poligâmica, monogâmica, aberta, "fechada", colorida, numa união civil, união de facto, casados, divorciados, noivos...
  • Quer sejam eles indivíduos que prefiram relações longas, quer sejam indivíduos que prefiram relações curtas...
  • Quer precisem eles de pouco tempo para "ultrapassar" o final de relações, quer precisem eles de anos...
  • Quer estejam eles numa relação à distância, quer estejam eles a 5 passos um do outro...

...Desde que haja respeito, mutualidade, felicidade e amor um pelo outro, é um casal como qualquer outro que tem TODO o direito a ser feliz e respeitado 

TAG: 7 Coisas

Muito boa noite! Já há dias fui desafiada para responder a esta Tag, e por isso mesmo agradeço desde já à desarrumada, à meandmyboy, e à Martinha! É um imenso orgulho saber que aos pouquinhos, pouquinhos, estou a ficar cada vez mais conhecida aqui no universo da blogosfera... So thank you ^^ Siga!

 

7 coisas para fazer antes de morrer:

*Tornar-me uma psicóloga conceituada

*Viajar pelo máximo de países que conseguir!

*Casar e constituir família :)

*ADOTAR O MÁXIMO DE GATOS QUE PUDER

*Tirar a carta de condução

*Aprender mais línguas, e fala-las fluentemente (e aprender mais de TUDO um pouco)

*Ir a um espetáculo da Miranda Sings 

 

7 coisas que mais digo: 

*Tenho fome/sono (vai alternando, im not joking

*Da fuck

*Tipo

*Ewww!

*Gosti

*Aww...

*És um pão

 

7 coisas que faço bem: 

*Muffin de chocolate :3

*Cuidar daqueles que amo 

*Tirar boas notas

*Dormir 

*Manter-me positiva no matter what

*Escrever (I guess).

*Dançar

 

7 coisas que não faço bem:

*Chegar a horas 

*Gerir o tempo

*Gerir o dinheiro

*Controlar as minhas emoções

*Fugir da minha zona de conforto (chama-se zona de conforto por alguma razão, am I right? )

*Ter uma boa Orientação espacial

*Ser + Independente

 

7 coisas que me encantam:

*Psicologia Ψ

*O meu blog ♥

*Verão

*Viajar 

*Sonhar

*Aliens

*Muitas outras coisas...

 

7 coisas que amo: 

*Família

*Melhores Amigos (Sacha, Pipa pipoca...) 

*Boo 

*O meu curso

*Gatos

*Chocolate

*Rir

 

7 coisas que não gosto: 

*Abelhas

*Sentir-me doente

*Falsidade

*Mania

*Falsas expetativas

*Sushi

*Nutella

 

 7 blogs que eu indico: 

*Bff 

*Pocatchô

*Maggy

*Nessa

*Escorpião com dor

*Fluffyland

*Vidinha de uma detestável

"...Preciso de me pôr a mim em primeiro lugar..."

Portanto segundo o que consta por aí ontem foi o dia da Mulher. E eu ia começar este post precisamente a dizer que ontem me senti tudo menos valorizada, apreciada, homenageada. Mas depois reconsiderei. Pensei melhor, e se calhar ontem foi exatamente o dia ideal para me sobressair e valorizar enquanto pessoa- ser humano vivente- e enquanto mulher. Porque o dia das mulheres é (ou devia ser) todos os dias, no entanto é sempre bom relembrar a sua importância. Para mim, o objetivo deste dia é precisamente recordar a todos nós -indivíduos-, mas especialmente às próprias mulheres, do que o que elas são capazes, do que o que nós somos capazes. Eu acredito sinceramente que somos seres com muita coragem e garra, e merecemos por isso todo o respeito do mundo! Unidas somos capazes de ultrapassar tudo. Um feliz (atrasado) Dia da Mulher para todas vós!

Pág. 1/2