Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

O aniversário da Carta!!

aniversario.jpg

    Recentemente foi o aniversário da carta, e como até tive alguns diazinhos fora resolvi fazer um jantar de aniversário quando chegasse (com os poucos amigos próximos que cá tinha, porque a maioria está de férias, o que é totalmente compreensível). Assim foi. E como gostei tanto da forma como toda aquela noite se passou, gostava de vos contar também a vocês um pouquinho sobre aquilo que aconteceu. Para começar, resolvi levar um vestido vermelho comprido que tinha comprado na Display Style (muito parecido com o da foto, pois não consegui encontrar o original visto que este último não tinha as decorações prateadas). Em termos de acessórios, só usei um colar que tinha comprado na Modalfa em conjunto com uns brincos vermelhos também, que eram do mesmo tom do vestido. A mala que levei foi uma das minhas preferidas, da Stradivarius, preta, que dá para usar usar a tira-colo ou pela mão. 

    Já o sítio escolhido para jantar foi o Ponto Final, em Cacilhas. Para quem não conhece, é um dos restaurantes com a vista mais bonita de sempre: vê-se o rio Tejo por todo o lado, a ponte toda iluminadinha, é lindíssimo... À hora que nós chegámos (19h) ainda se via o sol bem alto, mas rapidamente ele se pôs e nós pudemos observar as várias tonalidades em que o céu se tornava. Foi uma maravilha de se ver. Nós ficamos com uma das mesas mesmo da ponta, como eu queria, o que dava impressão para alguns convidados, pois parecia que quase caímos para o mar. Para mim foi uma experiência incrível. A paisagem era avassaladora, a comida excelente (apesar dos preços), e a minha companhia ainda melhor. Depois, ainda fomos lá passear um pouquinho junto ao rio, beber uns drinks, jogar uns joguitos para nos entretermos...Foi, sem dúvida, um dos melhores jantares de aniversário. E quero agradecer pela presença de todos aqueles que tornaram este dia tão melhor 

ponto final.png

Conselhos amigos para quem vai a um festival de Verão:

1) Não levem sandálias. Nunca. Ever. Os vossos pés vão agradacer por não ficarem pretos até ao final da noite!

2) Tragam um casaquinho de malha (para o caso do festival se estender até às tantas, acreditam que vão precisar, principalmente se forem friorentas como eu).

3) Tragam roupa confortável. Também deveriam repensar os shorts/saias/vestidos. Com o vento, os dois últimos não sei se serão a melhor opção. Relativamente aos shorts, só no caso de terem frio também.

4) Levem tampas de garrafas escondidas nos bolsos. TRUQUE: Muitas vezes os festivais não deixam entrar comida nem bebida, e mesmo as garrafas de água que oferecem eles tiram a tampa. Sabendo que costumam vasculhar a mala e não os bolsos dos casacos ou calças, levem umas escondidas aí. Agradecem-me depois.

5) Esqueçam o chapéu de palha. Principalmente se se prolongar até à noitinha, não vão ter pachorra para andar com aquilo na mona o tempo todo, quando querem se abanar e dançar à vontadinha.

6) Assim que tiver uma grande banda a atuar que não sejam grandes fãs, aproveitem para ir à wc. Mais tarde poderá encher e a fila costuma dar a volta ao recinto, quase. 

7) A mesma coisa para comerem. Assim conseguem arranjar mesa para se sentarem e não ficam horas em pé à espera de serem atendidos.

8) Levem algum dinheiro, mas também não andem por aí como se tivessem assaltado um banco. As coisa costumam ser caras nos festivais, mas é preciso terem cuidado com as malas.

9) Por isso mesmo as malas que recomendaria são as mochilas (distribui melhor o peso, e andam mais à vontade) ou as malas a tira-colo.

10) Divirtam-se, hidratem-se bem e aproveitem! Porque passa muito depressa! 

Porque gosto tanto de viajar...

 

VANTAGENS DE VIAJAR:

*Sair da rotina.

*Ter novas experiências.

*Ver o mundo de outra forma.

*Alargar a nossa cultura geral.

*Conhecer novos hábitos e costumes.

*Experimentar novas comidas.

*Visitar e explorar novos sítios.

*Fazer novos amigos.

...

 

DESVANTAGENS DE VIAJAR:

*Desfazer a mala.

------

    Desde muito nova que fui "incutida" no mundo das viagens. Os meus padrinhos moravam fora do país, e calhava bem porque muito frequentemente andávamos de avião para lá e para cá a conhecer novos sítios (e a descobrir que afinal o mundo não se restringe a este pedacinho de Terra a que chamamos Portugal). E isso foi tão bom para mim. Esse despertar de conhecimentos, esse interesse pelo desconhecido, essa vontade de sair daqui e descobrir outros sítios, outros costumes, outras pessoas... foi tão enriquecedor.

    Hoje em dia não quero outra coisa. Chega a altura das férias e só quero sair daqui (não porque não goste do sítio em que moro, mas sim porque quero sempre descobrir mais e mais). E digo-vos isto. Conheci (e conheço) pessoas que nunca tinham posto o pé fora do país, ou mesmo fora das suas proximidades, e A-D-O-R-A-R-A-M a experiência. Não estou a dizer para esbanjarem dinheiro a fazer viagens de luxo, mas hoje em dia é tão possível fazer uma viagem nem que seja à santa terrinha durante um fim-de-semana de forma barata.. Garanto-vos que vêm de lá como NOVOS.

    Viajar ensina-vos a olhar para a vida doutra forma, a não dar valor a coisas que eram o fim do mundo, a aproveitar os bons momentos, e a desfrutar das coisas boas da vida. Para mim, eu não quero outra coisa, e só espero sinceramente que tenha SEMPRE possibilidade para fazer aquilo que gosto, com aqueles de quem gosto. Pois na minha opinião são essas coisas que eu vou levar para a cova. E não os objetos materiais. Não me vou lembrar do iPhone XPTO que a tia da parte do pai me ofereceu, nem do portátil com ecrã híbrido que recebi recentemente, vou-me lembrar das pessoas que estiveram na minha vida, e das experiências que vivi com elas. E viajar faz parte de uma dessas experiências.

    Tal como ir a um concerto, visitar um novo museu, patinar no gelo pela primeira vez, andar de avião, etc, etc.. Para mim, tudo isso me enriquece, me torna uma pessoa melhor e mais culta. E me faz mais feliz. Para mim isso é que é viver, partilhar constantemente experiências e memórias alegres com aqueles que mais amamos. E viajar tem uma grande parte nisso. E eu adoro.

Há pessoas mesquinhas no mundo, e depois há...

...pessoas que ultrapassam a escala da estupidez.

 

    Hoje quando fui à biblioteca com a minha irmã, visto que queria ir para a secção dos Adultos procurar algo que me interessasse, para ela não apanhar grande seca, perguntou-me se me importava que ficasse na secção Infantil na parte dos computadores. Disse que não me importava claro (até porque digamos que não sou uma pessoa que demora pouco tempo a ver livros). Assim foi, ela seguiu para a parte das crianças, e eu para a dos adultos. Nem passaram 5 minutos quando a vejo de novo ao meu lado, perto das obras literárias estrangeiras, com uma cara cabisbaixa a olhar para mim "-A senhora não me deixou ir ao computador". "-Então que se passou?" pergunto eu "Estava lotado? Não havia computadores disponíveis??". "Não, haviam imensos computadores disponíveis, até porque aquilo estava praticamente vazio. Só que ela perguntou-me que idade tinha, eu disse 15 né, e ela disse que não podia estar ali porque a secção infantil é até aos 14 anos".

    Resultado, mandou-a para a seção dos Adultos que por acaso NÃO TEM COMPUTADORES. Porque, infelizmente neste mundo, a minha irmã nasceu um ano depois daquilo que as leis da biblioteca ditam para a secção Infantil, e por isso deverá ser castigada severamente sem ter direito a ir aos computadores. Mesmo quando há 0 miúdos lá interessados em ir aos computadores, e ao lado há carradas deles, mesmo que de repente viesse uma enchente de putos. Digam lá que isto não dá para rir. *facepalm*

Suicide Squad - O resumo (SPOILERS)

 

El Diablo: Eu matei a minha família toda, e agora estou arrependido.

Deadshot: A minha filha impede-me de perder a cabeça.

Joker: Eu apareço em 2 minutos do filme, para salvar a Harley Quinn.

Harley Quinn: Eu sou a gajinha que dá piada ao filme.

Katana: Ah e tal, a minha espada tem as almas daqueles que matei.

Rick Flag: Sinto-me atraído por mulheres com dupla personalidade.

Amanda Waller: I'm a badass bitch.

Captain Boomerang: Eu tenho sotaque britânico.

Crocodilo: Eu aparento um monstro com forte personalidade, mas não passo de um cordeirinho.

Slipknot: #Yolo *morre*

Dr. June Moone/ Enchantress: Eu sou a má da fita, e controlo as vossas mentes.

Batman: surprise, mothatrucka.

 

[Resumindo: Achei piada ao filme, sim senhora, mas não é de todo um dos melhores filmes da DC que já vi.]

Favoritos de Julho

favoritos julho.jpg

 

    Confesso que já tinha algumas saudades de fazer um post de favoritos, e visto que até me consegui lembrar de algumas coisas para este mês (tenho esperança que em Agosto me lembre de muitos mais, visto que tenho produtos para experimentar 'a dar para um pau!'), aqui vai a minha lista de favoritos deste mês! 

  •  Camouflage Cream, da Catrice: Meninas, se têm olheiras que cheguem ao chão (presente!), e não querem gastar uma fortuna num bom corretor de olheiras, dêem uma espreitadela a este da Catrice. Tem muito boa cobertura, aguenta muito tempo e o preço agrada a qualquer um! Também tem a versão líquida, mas apesar de estar frequentemente esgotada, no verão não é tão apropriada (visto recomendar-se mais o uso de cremes nesta altura).
  • Eye primer, da Kiko: Apesar de eu não ter tendência para abusar em sombras no verão, porque let's be honest, ninguém quer desperdiçar horas a esbater sombras, quando mais tarde num piscar de olhos elas vão-se, eu comecei a usar primer de olhos para as vezes que ache necessário. Seja quando meto sombra ou mesmo eyeliner, o que é certo é que o primer da Kiko ajuda a que estes não desapareçam tão facilmente com o calor, e tem um preço também agradável. Recomendo a todos aqueles que lidam com a maquilhagem 'derretida' ao final do dia ;)
  •  Beauty blender, da Primark: Posso ser o mais sincera possível? Eu sei que vão ficar chocados, mas eu costumava colocar a minha base com as mãos.. É estranho, eu sei.. Mas nunca achei que fosse necessário comprar mais nada, até porque os pincéis que tinha não serviam. Ultimamente como tenho verificado que me estão a crescer imensas borbulhas, cheguei à conclusão que não é a melhor coisa, de facto, estar constantemente a tocar com as mãos na cara com a base. Por isso, fui à minha querida Primark, que nunca me desilude, comprar uma beauty blender. É tipo 1,50 Euro salvo erro, e, é na minha opinião, super boa. A minha vida mudou completamente. E por estranho que parece, faz a diferença, pois tive mais que uma pessoa a dizer que notava a minha maquilhagem bem melhor!
  • Lápis de olhos preto de longa duração, da Essence: Segui o conselho da Chique e Geek e decidi experimentar o lápis de olhos de gel da Essence, porque já queria há imenso tempo algo para a linha de água dos olhos, e que me durasse imenso tempo (pois tenho os olhos imensamente 'aguados', e qualquer coisa cai rapidamente). Era mesmo isto que estava a precisar! Foi o produto que me durou mais tempo nos olhos, e é super fácil de aplicar.
  • Hidratante e revitalizador capilar, da Phyto: Este produto foi tipo SOS - quando os meus cabelos chegaram da praia/piscina secos, e TODOS embaraçados, dar o hidratante antes e depois do banho foi a minha salvação para que os meus cabelos não parecessem palha. Desembaraça e facilita o pentear, para mim está mais que aprovado!
  • Fim-de-semana no campo: O fim-de-semana passado fui à minha casa do campo, que fica literalmente no meio do nada,(o supermercado mais próximo fica a quilómetros de distância da localidade), e soube-me tão bem...Estar longe de tudo e de todos, noutra realidade, noutro sítio, sem internet, com 4 canais de televisão, uma maravilhosa piscina municipal...foi a receita ideal para um óptimo fim-de-semana de verão! Ainda tive tempo para visitar uma feira local! Adorei ***