Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

Conheci o Nuno Lopes!!!

 

    Esta segunda foi o Dia Mundial do Teatro, por isso perto da zona onde moro houve entrada gratuita a algumas peças de teatro. E só assim, graças à minha querida su, eu fui assistir a uma peça, coisa que já não fazia há anos (literalmente. Não me lembro qual foi a última vez que fui), chamada "A noite da Iguana".  

    A peça foi espetacular, com um enredo fenomenal, com nomes como Nuno Lopes, Maria João Luís e Catarina Wallenstein, e uma moral de história incrível (que eu sempre aprecio). Foram duas horas e 45 minutos de pura magia, onde por momentos esqueci-me de quem eu era, e entrei noutra realidade completamente diferente. Drama com pitadas de comédia, e simultaneamente a agir como uma crítica social, "A noite da Iguana" não passou despercebido a ninguém.

    No final da noite não só conseguimos conhecer o próprio Nuno Lopes, ator principal da peça, como ainda 'sacamos' de uma foto com ele. Um ator extremamente profissional e amável, que fez-nos tremer dos pés à cabeça depois do seu abraço forte.

    Resumindo e baralhando? Aquela noite foi memorável. Fez-me tomar consciência da beleza (que eu tivera esquecido?) do teatro, e de como é bom ser transportado para um outro lugar, e do tanto bem que isto nos faz. Quem me dera a mim assistir a uma peça de teatro por dia, todos os dias...nem sabem o bem que nos fazia... ;)

 

P.S.: Esqueci-me de salientar que nós ficámos na PRIMEIRA fila do grande auditório. Sentiamos o tabaco dos atores, os seus cheiros, a água da chuva...  Senti-me a assistir a um filme a 4D, mas com efeitos gráficos muito melhores.

 

O meu problema com romances

Raramente acabam bem. Ou fazem-me rir. O mundo cinematográfico só sabe criar bons romances, se tiverem drama à mistura. E drama já a vida está cheia dela, não é preciso mais. Todos os dias trabalho com pessoas que têm os seus próprios dramas pessoais, aos quais eu preciso de saber lidar, o mínimo que preciso é chegar a casa e ainda levar com mais dramas fictícos. Não, obrigada 

Alguém conhece, por favor, uma boa série romântica, que seja cómica também?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[Em último caso nem precisa de ser romance se não tiverem nenhum para aconselhar, (porque de facto, eu desconheço), mas já agradecia se fosse uma boa série de comédia.]

 

 

Parabéns a todas nós

    Parabéns a todas nós, mulheres, que nos esforçamos cada dia para ser melhores, e mais aceites. Parabéns a nós, mulheres, que vivemos uma vida com um 'presentinho' mensal que não nos larga até termos os nossos primeiros rebentos (se assim os tivermos), ou entrarmos na dita menopausa. E parabéns a nós, por lidarmos com este último processo biológico, de passagem obrigatória, da forma mais saudável, e feliz, possível. Parabéns a nós, por vivermos 9 meses com um ser vivo dentro de nós, cheias de hormonas prontas para saltitar de um lado para o outro, e ocasionais efeitos secundários, que só nos trazem alegria quando nos lembramos do que estamos prestes a trazer ao mundo. Parabéns a nós, por amamentarmos e tomar conta dos nossos filhos, desde o seu primeiro respirar.  Parabéns a nós, por, enquanto isso, lutarmos por usufuir de uma carreira, mesmo quando tudo parece pôr-se contra nós. E por continuarmos a querer subir cada vez mais alto! Parabéns a nós, por lutarmos pela igualdade salarial, e de direitos no trabalho. E parabéns por lutarmos pela igualdade de direitos, seja a que nível for! Parabéns a nós pelos nossos feitos ao longo da história, as nossas descobertas, as nossas vitórias! Parabéns a nós, por mostrarmos que: com maquilhagem ou não, com operações plásticas ou sem elas, com roupas assim ou assado, somos igualmente perfeitas, e não precisamos aprovação de ninguém, a não ser de nós próprias. Parabéns a nós, por lutarmos todos os dias pela nossa segurança ao andar nas ruas, por lutarmos contra os preconceitos que somos alvo, contra as críticas num relacionamento (se te entregas demasiado és uma oferecida, se não te entregas, és uma mulher difícil)...

    Acima de tudo, parabéns a nós, mulheres, por mostrarmos a nossa união, e amor umas pelas outras. Pois juntas, manifestamos a nossa força, e garra pela vida! 

Fiz um teste de personalidade, e eis o resultado...

 

    Como muitos sabem (e os que não sabem ficam a saber), eu estou a estudar Psicologia. E na altura da minha licenciatura ditaram que seria importante nós apostarmos em fazer um teste psicológico de personalidade (*) (cá para mim, era mais como uma prova dos 9 para eles, para ver se nós não nos revelávamos uns psicopatas... Nesse sentido, dou-lhes toda a razão). E eu, como grande parte da turma, decidi apostar neste desafio! Nao tinha nada a perder, e era algo que eu sempre quis fazer por curiosidade!

    Ora bem, é óbvio que eu não vou detalhar tudo o que os resultados vieram a confirmar (até porque não sou nenhuma oferecida, vão ter que me convidar para um café primeiro), mas achei que era giro se partilhasse com vocês alguns dos meus pontos que mais se destacaram- tanto pela parte positiva, como pela menos positiva - que se destacaram para eu poder refletir também um pouco com vocês, sobre eles.  

Alguns dos Pontos Altos (<50) :

  • Bem-estar/Emoções positivas Yaaaay me! Começou logo bem! 
  • Organização, Planeamento do tempo
  • Amabilidade (Já tenho um teste que me comprove realmente que sou uma boa pessoa. Já tenho argumentos para quando me disserem que estou de mau-humor, Ha!)
  • Acolhimento caloroso (aka = I'm Lame as f***.)
  • Curiosidade intelectual
  • Sensibilidade Quando descobri isto, fui dizer à minha melhor amiga, em pânico "Achas normal?! Diz no teste que sou demasiado sensível...É que agora não consigo parar de pensar nisto.." Ela vira-se para mim: "Hmm.. Não achas que estás a levar isso demasiado à letra, 'miga?" "LÁ ESTÁ!", disse logo eu, "SOU MESMO DEMASIADO SENSÍVEL..." 
  • Confiança nos outros Este teste foi realizado há 3 anos. Hoje em dia considero-me (ligeiramente) mais desconfiada do que era anteriormente...
  • Timidez
  • Fantasia/Imaginação

 

Alguns dos Pontos Baixos (>50) :

  • Depressão
  • Hostilidade (encarar sentimentos de frustração, e raiva) (hmm... Esperem até me verem de TPM.)
  • Correr riscos/Adaptação a novas situações Concordo. Gosto muito da minha zona de conforto. Como disse uma vez a uma colega minha quando ela me confrontou com o assunto: "Então, ela chama-se zona de conforto por algum motivo não é...É confortável, ora essa!"
  • Impulsividade Segundo o teste eu tenho mais o hábito de pensar bem, antes de agir por impulso. O problema maior é quando penso DEMASIADO na minha opinião... 
  • Lidar com pressão e contrariedades Existem pessoas que trabalham bem sob pressão. E depois existo eu.
  • Liderar (tarefas, actividades...) Sou alérgica a tudo o que seja liderar alguma coisa. Seja trabalhos de grupo, no trabalho, o que for... Stressa-me ter que pegar em 4 ou 5 cabeças de outros seres, e tentar fazê-las convergir num único sentido.

 

    Resumindo e baralhando, acho que os testes psicológicos da personalidade não dão de todo resultados em vão, porque se há alguns pontos que estão claramente evidenciados, por algum motivo há de ser, mas também não é motivo para "extremar" tanto a coisa (como por exemplo, na característica introversão/extroversão não havia meio termo. Pessoalmente considero-me mais tímida do que o considerado normal, mas continuo a adorar sair com os meus amigos e ficar em casa 2 dias seguidos deprime-me).

    No entanto, acho importante olhar para alguns dos traços mais evidentes e analisar, refletindo um pouco sobre eles também. Pois não adianta termos noção de como somos, e não tentarmos melhorarmo-nos a nós próprios. Assim, o meu objetivo com o teste foi também de me melhorar a mim mesma, desenvolver mais os pontos que acho que devem ser mais desenvolvidos, e focar-me naquilo que acho que está no bom caminho, e que deve continuar. Qual é a vossa opinião sobre os testes de personalidade, e até que ponto eles são credíveis? :)

 

 

 

(*) O teste de personalidade que realizei, neste caso, foi o NEO PI-R.

Não me chamo Carta por acaso!

cartasjogo.png

    É isso mesmo! A vossa querida Carta (foradobaralho), não tem este nome em vão. Eu adoro jogos de cartas. Sempre gostei: Bisca, Copas, Peixinho... cheguei até a jogar online desde muito pequena. Ultimamente o que me tem chamado mais a atenção é a adaptação de alguns jogos de tabuleiro, às cartas. Falo-vos de jogos como...

 

...a Batalha Naval: Tenho andado VICIADA neste jogo durante dias. É basicamente igual ao jogo prático, mas com mais estratégia (na minha opinião): há tiros de diferentes cores, cada barco tem uma função diferente, tem armaduras para protegeres os barcos dos tiros... Tenho feito a su "ver navios" (no pun intended) com este jogo, quando lhe dou umas belas abadas mwahaha 

 

...o Monopoly Deal: Esta versão do Monopoly é muito mais rápida do que a versão tabuleiro, sendo que em cartas o único objetivo é criares 3 conjuntos de propriedades para ganhar! Depois há todo um conjunto de cartas engraçadas, como aquelas para roubar conjuntos, as da renda, entre outras... Aconselho vivamente a quem quer passar uma tarde bem divertida com amigos! 

 

...o UNO: Este jogo já é bem conhecido por muitos. É aquele que desenrasca sempre em qualquer ocasião, rápido, viciante, e pronto para estragar amizades! P-e-r-f-e-i-t-o. 

 

...e o Cards against Humanity: Para quem ainda não conhece este jogo, nem sabe o que está a perder... O jogo é composto por um conjunto de cartas pretas e brancas: as pretas dizem um tema ou frase inacabada, e as brancas dizem as respostas que se vai dar ao tema, ou à frase, de forma a completá-la. Claro que elas estão todas baralhadas desde o início, sendo que tem que se dar a resposta que se achar mais adequeada à frase inacabada com aquilo que se tem na mão, sendo que muitas vezes elas acabam por não fazer sentido nenhum. Ganha a pessoa que der respostas mais engraçadas! Este jogo nunca dispensa uma boa gargalhada, porque os temas roçam todos o tabu, o original, e as respostas são quase sempre hilariantes. Pode-se fazer o download das cartas para jogar (e imprimi-las) aqui.

 

Espero que tenham gostado das minhas sugestões! Que tipo de jogos de tabuleiro/cartas/online costumam jogar? Serão os jogos de cartas muito old school?