Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

Como manter uma uma relação à distância, em tempos de pandemia?

No mundo em que vivemos atualmente, é comum vermos casais separados pelo isolamento, preocupados com as consequências que esta distância terá, a longo prazo, na sua relação.

É o meu caso e do gajinho. Não estando ainda a morar juntos, temos estado desde Março a viver esta relação à distância, com ocasionais saídas a 2m de distância em espaços abertos. Como podem imaginar, um verdadeiro paraíso não é?... 

E como é que se aguenta tanto tempo longe do vosso mais-que-tudo, perguntam-me vocês? Com muito amor, alguns desentendimentos e uma pitada de choro à mistura!

 

Seguem abaixo algumas dicas de como tornar esta fase um bocadinho (ligeiramente) mais suportável...

  1. Combinem horários para falarem (por chamada, ou vídeo), e cumpram. Apontem nas vossas agendas se for preciso! É importante que definam um horário, diário, para fazerem uma chamada e se porem a par das novidades.
  2. Falem MUITO! Não só é importante que comuniquem todos os dias, mas que tenham conversas de qualidade: esclareçam sempre mal-entendidos que tenham o mais rapidamente possível para o problema não se alastrar; aproveitem para se conhecer melhor; façam perguntas curiosas à vossa cara metade (aqui está um óptimo exemplo); combinem dates futuros; relembrem as vossas melhores memórias; façam chamada à noite e adormeçam ao telemóvel com o vosso/a namorado/a, etc.
  3. Divirtam-se juntos! Apostem sempre que possível nas videochamadas, façam partidas de jogos online (hoje em dia têm tantooo por onde escolher desde o Jogo do stop até ao Gartic - jogo do desenho), maratonas de séries/filmes na Netflix (o Netflix Party também vos pode ser muito útil porque permite-vos ver programas em simultâneo)...
  4. Inovem. Vou-vos dar o meu exemplo. No meu caso, eu comecei a escrever inicialmente um diário sobre o meu dia, que depois entregaria ao gajinho quando a pandemia acabasse, mas depois optei por fazer "vlogs" do meu dia. Assim, de vez em quando, principalmente quando tenho um dia mais interessante (que é muito raramente ), filmo o meu dia e no final envio-lhe o link. É como aquelas youtubers famosas fazem, a única diferença é que ele é o meu único subscritor... e não tenho aqueles comentários de haters, o que é uma enorme vantagem 
  5. Combinem dates... sempre com precaução. Quando já bate aquela saudade apertada, combinem encontros presenciais, sempre com o devido distanciamento e segurança. Aproveitem para fazer uma caminhada, praticar exercício físico juntos, passear num jardim ao ar livre... Apesar das opções serem mais limitadas do que o habitual, isso não faz com que não tirem um bom partido do vosso encontro, e dando largas à imaginação podem ir variando  e diversificando os vossos dates.

 

Claro que isto não significa que está tudo bem, e que devemos aceitar todas estas mudanças na nossa vida com naturalidade, porque não é isso que nos é pedido. O mundo como o conhecemos já não existe, e é normal que demoremos tempo a adaptarmo-nos a estas alterações. Contudo, o que vos posso dizer neste momento é para aproveitarem cada momento da vossa vida, não tomarem nada como garantido e dar o vosso melhor para serem pessoas melhores, e mais felizes. Tudo isto é temporário.

Espero vos ter ajudado de alguma maneira hoje. Estamos nisto juntos, e por isso era tão bom que nos uníssemos num momento tão difícil como este para nos ajudarmos uns aos outros, em vez de nos dificultarmos a vida. Já é complicado por si só termos de lidar com o que está a acontecer no mundo, por isso bora lá unirmo-nos e ajudar o próximo 

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartafora.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.