Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

Crónicas de uma estagiária: O fim

 (Leia-se o gif: Come me sinto por dentro vs Como mostro por fora) 

    É verdade, o meu estágio chegou ao fim. Foram 4 meses de muita labuta, esforço e dedicação, por isso tenho, a partir deste mês, o merecido "descanso de guerreira". Digo descanso entre aspas porque ainda está a tese por terminar e ainda há muito por fazer, mas a partir de agora já não vou viver num stress de horários, preocupações chatas, e falta de tempo para as minhas coisas.

    Em modo geral, posso dizer que este estágio foi uma experiência única: conheci gente nova, tive o peso de muita responsabilidade nas minhas mãos, aprendi como funciona uma empresa privada por dentro, tive pela primeira vez a experiência de receber um ordenado, e melhor, ganhei oportunidades profissionais! A nível pessoal e curricular foi óptimo, porque sinto que cresci imenso e aprendi muito sobre mim própria, nomeadamente as minhas capacidades e os meus limites. Essa foi para mim a melhor mais-valia que tirei daqui: o meu crescimento pessoal!

    Como tudo na vida, para além dos seus "altos" teve também alguns "baixos". Primeiro, aprendi que este trabalho era muito mais exigente do que eu pensava inicialmente, e quando criamos certas expetativas que depois vão abaixo, o choque pode muitas vezes ser complicado de encarar... E depois, aprendi também que era preciso uma disponibilidade gigante, não só a nível de carga horária mas também psicologicamente. O que nem sempre é fácil quando precisamos de disponibilidade mental para encarar os desafios do dia-a-dia, a faculdade, os nossos relacionamentos pessoais, e por aí fora...

    Esta foi a minha experiência pessoal mais próxima de um emprego que tive até agora. Que oportunidades vocês já tiveram de trabalho, e como vos correu? Foi parecida à minha experiência, ou nem por isso? 

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartaforado.

4 comentários

Comentar post