Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

E se estivermos num dia sem inspiração para escrever?

 

    ...O que fazemos? Como hoje, por exemplo. Acordamos, levantamo-nos da cama, fazemos as mesmas rotinas habituais... Tudo exatamente igual ao que costumamos fazer nos outros dias... Mas com um diferença: Não temos inspiração!

    Não sei se foi algo que me aconteceu durante a noite, ou se comi alguma coisa estragada... Ou também pode ser a falta de tempo, a vida que vivo... Não sei. Só sei que hoje acordei sem inspiração para escrever.

    "Não há stress" - penso - "Vou ver os sites de notícias, ler os bloggers da sapo, e de certeza que alguma coisa me há-de inspirar para escrever. Alguma notícia bombástica, um assunto polémico, uma opinião sobre algo novo..." Pensei eu! Nada, vazio. Dá-me uma branca.

    Tento, então, lembrar-me de alguma coisa original barra interessante barra engraçada que tenha visto/acontecido nos últimos dias. (...) Esquece, já fui. Vão me deserdar da blogosfera, só pode. Sou uma vergonha para a sapo.

    Já sei! Vou fazer uma review de alguma coisita, resulta sempre! Filmes! Esquece não tenho visto nada... Não vou ao cinema há bué... Séries, pior ainda... Livros, ainda não acabei o que estou a ler sequer! Isto está mesmo mau, diria mesmo que está muito grave!

    Dou conta que enquanto escrevo isto estou numa posição de completa preguicite aguda. Toda eu a escorregar da cadeira - pareço um gelado já derretido -, com uma moleza tal, que uma preguiça (o animal) invejaria. E CHEIA de sono.

    Se calhar é isso, preciso de dormir. Talvez apenas precise de recuperar as energias, só isso. E amanhã acordo, volta tudo ao normal, e lá me escorra alguma coisa...

    E vocês? Têm estes dias pouco inspiradores muito frequentemente, ou nem por isso?

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartaforado.

Resposta ao comentário da Rita Pereira (?)

rita pereira comment.png

    Hoje de manhã veio até mim este comentário, a respeito do post  "Vida de estrela é assim...". O post dizia respeito a uma descoberta minha, muito recente, acerca da atriz Rita Pereira. Como já devem ter reparado já o apaguei, por isso não vale a pena dizer sobre o que se trata porque nem quero dar mais importância ao assunto do que merece, quero apenas deixar algumas coisas claras.

 

    1) Quem me dera que a Rita Pereira visitasse o meu blog. Era a rapariga mais sortuda do mundo. Sou sua fã, apesar de não incondicional, -visto que não a sigo por todo o lado -, mas gosto do seu trabalho nas novelas  Mas infelizmente eu não sou a rainha do sabá e calculo que ela tenha mais que fazer na vida do que perder tempo com bloggers, e faz ela muitíssimo bem, porque eu provavelmente faria o mesmo.

    2) No entanto, se (por algum estranho motivo) é de facto a Rita Pereira, agradeço imenso a sua visita. E numa nota mais séria, quero pedir desculpa pelo simples facto de a ter ofendido, porque não era a minha intenção. O único e apenas objetivo deste blog é divertir—me a mim, e a quem me lê, e por isso nunca tive o objetivo de magoar ninguém. Quem me segue assiduamente sabe que não pretendo falar mal de ninguém, este é apenas o meu tipo de humor. E como gosto de partilhar o que me acontece com a sapo, porque sinto que tenho aqui um grupo de amigos, achei que seria interessante partilhar este facto mais curioso/caricato.

    3) Daí o único motivo pelo qual apaguei o post, porque não quero que a "Carta" fique conhecida pela parte polémica, e por comentários menos felizes, mas sim pelas coisas boas, e divertidas (pelo menos para mim...).

    4) Em relação ao facto de ser anónima, foi uma escolha minha desde o início e já o expliquei anteriormente o porquê. Contudo, se o convite se mantiver de pé, adoraria fazer-lhe uma visita pessoalmente às gravações e quiçá, poder finalmente aparecer como figurante. E talvez até, almoçarmos juntas. 

    Por último, quero também dizer que caso não tenha sido a Rita Pereira (que vamos ser honestos, é o mais provável), quem comentou o post tem também bastante sentido de humor ao achar que um comentário em Anónimo a fazer-se passar pela atriz me vai tornar um blog famoso... Ó filha, é preciso muito mais do que isso para eu passar a ter mais que 100 visualizações por dia....  Mas agradeço a tentativa na mesma!

 

Beijinhos,

A Carta

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartaforado.

Best nine 2017 - Blog

bestnine blog carta.png

    Vocês acreditam que já estamos a um pézinho de entrar em 2018?? A sério? É que eu não... Tenho a sensação de que este ano passou a voar, e que nem dei conta! Isso só pode significar que tive um bom ano...

    Agora voltando ao mais importante, bem, nesta altura do ano está em altas fazer o best nine do Instagram - onde são colocadas as 9 fotos com mais likes do ano que passou. Achei a ideia o máximo, e por isso achei que seria engraçado fazer o mesmo, mas em relação aos posts do blog, o que acham? 

  Seleccionei, por isso (com a ajuda do sapo não é), os nove posts da Carta, com mais favoritos em 2017, e o resultado final foi *rufar de tambores, pff*:

1º Porque gosto tanto de ter um blog (12 gostos): Este é também um dos meus posts preferidos, para não dizer o meu preferido, porque foi daqueles mesmo vindos cá do fundo...  Lembro-me o quão grata me senti, enquanto estava a escrever, por fazer parte da família de bloggers da sapo!!

2º Como é a vida de casado? (9 gostos): Gostei muito de escrever este post, porque veio de um relato verdadeiro entre mim e um paciente meu, que eu tive um grande prazer em conhecer. Todos os meus pacientes ensinaram-me muita coisa, e este não foi exceção!

3º Bem-vindos caloiros! (9 gostos): A entrada na faculdade é sem dúvida um grande passo na vida de cada um de nós, por isso acho importante dar o máximo de ajudas possível numa fase tão stressante/entusiasmante de um estudante 

4º "Situationship" (9 gostos): Este post foi o meu primeiro grande destaque na sapo, e terá sempre um lugar especial no meu coração...

5º Regresso às aulas (8 gostos): As conversas entre mim e a minha irmã são sempre as minhas favoritas, e se eu as fosse postar no blog, tinha posts todos os dias hilariantes

6º I'm not a morning person... (7 gostos): Engraçado como as coisas mudam mas hoje em dia já não tenho TANTA dificuldade em acordar cedo de manhã... Eu disse tanta, mas isso não significa que já não tenha...

7º O dia-a-dia de quem está a fazer uma tese (7 gostos): Iniciar a tese este ano foi, sem dúvida, um dos meus maiores desafios, mas também aquele que me deu maiores trunfos. Afinal, foi graças à minha orientadora que ganhei um prémio numa conferência muito prestigiada, e eu não pudia estar mais orgulhosa neste meu feito  ihihi  

8º Pessoas e redes sociais (7 gostos):É curioso saber que a minha dificuldade em aceitar pessoas que não me falam na rua nas redes sociais ainda se mantém atualizada 

9º Entrei no Inspetor Max... (7 gostos): Foi neste ano que começou (e acabou?!) a minha jornada pelo mundo da figuração. E tenho tanto a dizer sobre o que se passa nos bastidores de uma série de televisão... Se quiserem, mais em breve dou mais detalhes!

    De modo geral consigo concordar com muitos dos posts destacados, visto que estes também foram muitos dos meus preferidos! Se resume o meu ano? Enquanto blogger, talvez. Enquanto pessoa, houve muito mais do que isso que ficou por contar.

    Este ano: passei (finalmente!!) à cadeira que tive maior dificuldade na faculdade; conheci vários atores graças à minha melhor amiga Su, que me acompanhou em teatros e em experiências de figuração; reencontrei-me com uma amiga de longa data, que eu tinha imensas saudades (Pipa, esta é para ti, eu sei que lês o blog!); passei mais tempo com a minha família, o meu grupo de amigos, e o meu namorado; acabei a minha experiência no Centro de Saúde, como estagiária de psicologia... E MUITO mais, de certeza... Mas por agora, é tudo aquilo que me lembro.

     E vocês, qual foi o best nine de 2017 das vossas vidas? Desejo-vos umas excelentes entradas, e um 2018 ainda melhor que este ano! 

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartaforado.

(JÁ SOMOS 200 SEGUIDORES!!!)

carta.jpg

    Tenho estado a fazer o Blogmas como têm reparado, e não queria interrompê-lo, mas desta vez foi mais forte que eu... Chegámos aos 200 seguidores aqui na Carta, e eu ainda não caí em mim de felicidade!!!  

    Nem acredito que 200 tontinhos carregaram, voluntariamente, no botão de "Subscrever" desta tontinha. Vocês são o máximo! Obrigada! 

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartaforado.

Como funciona o Blogmas?!

Blogmas-800x800.png

    Como sabem (ou não) eu ADORO a época natalícia. E todos os anos acontece a mesma coisa: eu oiço falar de Blogmas, pessoas que lançam todos os dias posts sobre o Natal e só penso "Que inveja... Eu adoraria ter a disponibilidade, e imaginação, para postar diariamente coisas no blog, especialmente coisas relacionadas com o Natal..." Mas este ano tudo vai mudar! Vou, pela primeira vez, fazer Blogmas! Mas...à minha maneira.

    Como não quero prometer posts diários para depois não os puder cumprir, comprometo-me antes, em Dezembro, a posts dia sim-dia não (como costuma ser habitual no blog), relacionados com esta época natalícia! Alguns já tenho pensado, e outros vou ter que dar mais asas à imaginação, mas acho que vai ser sem dúvida um desafio fantástico para mim, enquanto Carta!

     No entanto, tenho uma pergunta para vos fazer: Costumam seguir algumas regras, enquanto fazem Blogmas? Conhecem algum desafio que diga explicitamente sobre o que é suposto postar (Ex: No primeiro post fala-se sobre a música de Natal favorita, no segundo fala-se sobre as prendas...)? Eu fui procurar e não encontrei nada, por isso adoraria que me explicassem, caso souberem de alguma coisa. Sabem como é, é a minha primeira vez a fazer Blogmas, não quero desiludir ninguém...

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartaforado.

Sobre ser anónima no Sapo

    No dia 6 o meu post sobre a Web Summit foi destaque (obrigada Sapinhos, mais uma vez!), e o que é certo que nesse dia fui a Lisboa (como bem vos disse  no post) para lados que desconhecia, que nunca tinha ido. E foi precisamente para esses lados, mais concretamente perto de Picoas, que calhei dar de caras com o prédio da Sapo!

    E eu achei aquilo tão... fantástico. Ali, mesmo à minha frente, estava alguma alminha caridosa que, naquele dia, por algum motivo, tinha achado por bem destacar o meu último post.  A minha primeira reação foi ir lá e agradecer o destaque, que todas as vezes me deixa tão feliz.

    Mas depois lembrei-me, ninguém faz a mínima ideia de quem é a carta... E que, se eu de facto fosse lá fazer isso, muito provavelmente a reação deles seria "Mas o que é que esta maluca está para aqui a dizer?.". Ou algo muito semelhante. E ao pensar nisso, não pude evitar esboçar um sorriso de orgulho. Porque é mesmo assim que eu quero que seja. 

    O objetivo do blog nunca foi tornar-me famosa, nunca foi ficar mais (re)conhecida. Nunca quis que a minha cara aparecesse em nenhum lugar associado ao blog, basta-me um nome: a carta. É mais do que suficiente.

    Isso não quer dizer que não tenha grandes expetativas com o blog, que eu todos os dias não dê o litro para o tornar cada vez melhor para vocês, para mim, para todos. Cada dia 'a carta' se torna mais "eu", e cada dia me dá mais gosto escrever.

    Já é o meu cantinho pessoal. Já conheço grandes pessoas aqui, já é parte de mim. Contudo, nem tão cedo vai deixar de ser anónimo, porque é assim que me sinto mais à vontade, e é assim que me deixa feliz. Pelo menos, por agora... 

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartaforado.

Porque gosto tanto de ter um blog

    Há dias estava a pensar, depois de ler os meus posts do blog e de ver os comentários que tenho tido... e reparei no quão sortuda me sinto por ter este cantinho na sapo, só para mim. Ao criar este blog eu nunca faria ideia da importância que ele me teria no futuro.

    Eu vejo-o não só como um espaço para partilhar as minhas opiniões e histórias de vida, mas também como um lugar de entreajuda e apoio entre os bloggers. E é tão bom ver isso. Ao ler os vossos comentários e pontos de vista, apercebo-me cada vez mais que somos todos como uma grande família de 'sapinhos', prontos para entrar em ação para ajudar uns aos outros. 

    E quero-vos agradecer, por isso mesmo, todo o apoio que tenho tido nos últimos posts. Um obrigada não chega para demonstrar a minha gratidão. A sapo tornou-se uma comunidade onde nos-é possível, pouco a pouco, conhecer uns aos outros, e entrar um bocadinho nos seus mundos. É como uma telenovela da vida real, mas com muito menos chatices do que um big brother.

    Eu vou no meu dia, e depois lembro-me "Tenho que espreitar para ver o que a fulana tal tem postado no blog! Como é que será que ela vai?", e depois penso "Ai, e não me posso esquecer de ir ler os destaques da sapo, que ainda não vi hoje!"... E assim passo o meu dia, a ler carradas de posts, a seguir novos blogs... Apesar de nem sempre comentar, eu sou como aquela mosquinha malandra que está sempre por lá a dar uma espreitadela... 

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartaforado.