Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

umacartaforadobaralho

"o segredo é teres sempre uma carta na manga"

Como fazer o luto de um bom livro

    Há tempos fiz um post a falar em como fazer o luto de uma série, mas ultimamente - e por culpa maioritariamente da Feira do Livro () - a minha obsessão tem sido mais com as leituras.

 

    Tenho lido tantos bons livros, que depois às tantas fico sem saber como lidar com o seu final  (first world problems)...

    Por isso hoje deixo-vos aqui a forma como eu tenho feito o luto dos meus queridos recém-chegados, e abro também discussão para me dizerem a forma como VOCÊS lidam com o final dos vossos livros.

 

1. Chorar pelo livro derram-acabado.

    O truque é deitar tudo cá para fora. Deixar todas as emoções negativas saírem é o primeiro passo para um luto bem-sucedido. 

 

2. Contar a toda a gente (amigos, familiares, entes queridos...) o final da história.

    Ninguém vai querer saber, mas pelo menos vão-se fingir interessados nos primeiros 5 minutos.

 

3. Comprar mais livros do(s) mesmo(s) autor(es)

    Há melhor forma de ultrapassar uma grande paixão assolapada, do que com uma nova? (Estamos a falar de livros, não se percam!...)

    Comprem o maior número de livros que encontrarem, dos vossos autores favoritos. Aproveitem agora que a Bertrand e a Wook estão com grandes descontos!

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartafora.

PROCURA-SE: Bom livro para ler nas férias

Procura-se livro em bom estado, com história interessante e criativa. Dá-se especial atenção à escrita original, plot twists, e livros que nos dão que pensar. Se alguém tiver conhecimento de alguma obra que se encaixe nestas características é favor contactar a carta pelos comentários abaixo, por favor. Obrigado.

 

(A sério, já estou a acabar o livro de Carlos Ruiz Záfon "O Príncipe da Neblina", e em breve vou ficar sem nada para ler. Portanto agradecia todas as sugestões de bons livros que tenham para dar! )

 

 

 

 

 

Sigam-me no Instagram @umacartaforadobaralho e no Twitter @umacartafora.